20070413

Eu finjo ter paciência…

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma,
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma,
A vida não pára...
Enquanto o tempo acelera e pede pressa,
Eu me recuso, faço hora, vou na valsa;
A vida é tão rara...

Enquanto todo mundo espera a cura do mal,
E a loucura finge que isso tudo é normal,
Eu finjo ter paciência...
O mundo vai girando cada vez mais veloz,
A gente espera do mundo, e o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência...

Será que é tempo que lhe falta pra perceber?
Será que temos esse tempo pra perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara, tão rara...
Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma,
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma,
Eu sei,
A vida não pára...

(Paciência - Lenine)




20070409

Desafio de amizade

Há coisas engraçadas!
As pessoas lembram-se de começar certas correntes que nunca sei como acabam. No geral não sou muito virada para esse tipo de coisas, sobretudo quando envolvem superstições, prometem felicidade ou fazem ameaças se a corrente for quebrada. Aí, quebro-a sempre. E não é por isso que deixo de ser feliz ou que o mal me acontece.
No caso particular desta corrente, recebi-a do Haras (http://www.sementinha-da-vida.blogspot.com/), que diz ser uma corrente de amor feita amizade, a que achei alguma graça porque pretende que revele um pouco de mim.
Para mim não é uma corrente, mas sim um desafio ao qual vou responder, mesmo sabendo que estarei a revelar algumas coisitas que não me apetecia muito. Mas pronto, aqui vai para me ficarem a conhecer melhor.

1º- Quem admiro?
– Admiro algumas pessoas, mas particularmente, uma amiga querida, por estar sempre de bem com o mundo, apesar de todas as adversidades por que já passou.
2º- O que faço nas horas vagas?
– Nas horas vagas, mesmo vagas – DURMO – tenho necessidade de dormir muito.
3º- Características que mais gosto em mim?
– Gosto de sorrir (com os dentes todos, lol); gosto de me sentir jovem; gosto da cor dos meus olhos (azuis); e gosto de amar, melhor dizendo, gosto de me relacionar com todas as pessoas, vendo nelas, acima de tudo, o que têm de bom e tolerando o que têm de menos bom, o que nem sempre é tarefa fácil, mas é uma tendência natural que tenho para amar todos sem excepção e que me realiza.
4º- Meus defeito(s)?
– Perfeccionismo; insegurança; inconformismo; impulsividade.
5º- O que não suporto nos outros?
– A prepotência, a arrogância e a crueldade.
6º- Medo(s)?
– Tenho medo de que os meus filhos não sejam felizes. E tenho pavor a cobras.
7º- Uma lembrança de Infância?
– São tantas as que me tornaram feliz! A convivência com a avó paterna, com as primas, com a tia, com o mano mais novo…
8º- Uma mania?
– Tenho a mania de mandar, mas depois, muitas vezes, acabo por fazer aquilo que mandei! Assim, quem já me conhece a mania, não faz logo o que mando ficando à espera que eu o faça. Mas, mesmo sabendo que muitas vezes não resulta, continuo sempre mandona.
9º- Uma viagem inesquecível?
– A Lourdes – França – com a família, de Renault 4L e atrelado/tenda de campismo!!! E outras! E outras! (Tenho saudades desse carrito mas, coitado, não podia durar sempre!)
10º- Um homem (mulher) famoso fisicamente bonito?
– José Mourinho.
11º- Livro de cabeceira?
– De momento é este que ando a ler: “Sete anos no Tibete” de Henrich Harrer.
12º- A canção da minha vida?
– Não tenho propriamente uma canção da minha vida. São muitas as que me tocam em determinadas alturas. Mas há um Salmo que gosto particularmente de cantar: “O Senhor é a minha herança” (do Salmo 16) – Ainda o partilharei aqui no blog.
13º- Sou péssima quando?
– Quando me tentam impor o que quer que seja ou me obrigam a fazer opções. Aí fico mesmo furiosa. Quem me impõe alguma coisa leva para trás. Também sou má perdedora.
14º- Sou boa... a?
– Penso que sou boa (quase sempre) em tudo o que me proponho levar a cabo. Ou então sou muito convencida, lol.

Resta-me agradecer ao Haras por me ter levado a reflectir nestas questões. É sempre bom interiorizar e exteriorizar coisas acerca de nós, para tentar ir modificando o que está menos bem.

E agora, como é da praxe, vou passar o desafio a outros amigos, esperando que também ousem revelar algo de si.

Os desafiados são:
Enfim (http://realidadehilariante.blogspot.com/ )
Eugénio (http://www.heartpierrot.blogspot.com/ )

Vá lá, revelem-se!

20070408

Via Lucis


Cristo Ressuscitou . ALELUIA!!!

**
“Jesus venceu a morte. O pior inimigo do ser humano foi vencido e a Vida triunfou sobre a morte. A partir deste momento, em que Jesus ressuscitou, já ninguém poderá parar Deus. O Seu plano de Salvação que vinha desde o início do mundo, atingiu a sua plenitude com a ressurreição do Seu Filho. Por Ele fomos salvos e o caminho, que tem por guia Jesus, foi aberto para a descoberta do Amor de Deus que nos salva daquilo que nos rodeia, daqueles que nos impedem de crescer e de nós próprios, curando-nos. Tal como Maria Madalena, façamos desenvolver em nós o desejo de correr, indo ter com todos e contar-lhes que Jesus está Vivo!”***

A Cátia transmitiu-me este círio, símbolo da Ressurreição de Cristo!

É a Luz de Cristo
A iluminar o nosso caminho.

Cristo ressuscitou! Ressuscitou! Aleluia!

"Se Cristo não ressuscitou, a nossa pregação é vazia e também é vazia a fé que tendes... Se Cristo não ressuscitou, a fé que tendes é ilusória... Se a nossa esperança em Cristo é somente para esta vida, nós somos os mais infelizes de todos os homens" (1Cor 15, 14.17.19).


20070401

Jesus Cristo - Como entender esse amor?


Michael W.Smith - Above All

Partilhas maiores