20080108

Assertividade precisa-se hoje em dia

A assertividade é uma filosofia de vida, falando em comunicação e relações inter-pessoais! Esta é a capacidade de transmitir de forma clara e honesta, sem máscaras, aquilo que se sente, se pensa ou se quer.

Ser-se assertivo é ser-se auto-afirmativo. A atitude de auto-afirmação é uma virtude, uma arte de se afirmar, de defender o próprio espaço (físico, mental, emocional…) sem recuar, mas sem agredir ninguém.

Entre outras características, uma pessoa assertiva sente-se bem consigo própria quando diz sim e quando diz não, sabendo que uma decisão não é necessariamente definitiva ou sempre certa, e que nem sempre tem que dar satisfações. Não é dissimulada e sente-se à vontade com os outros. Estabelece com os outros uma relação de confiança e não calculista.

À medida que a pessoa for agindo de forma assertiva vai-se apercebendo de pequenas vitórias que vai alcançando, elevando assim a sua auto-estima.

Em oposição encontramos outros três estilos de comportamento que não interessam nada: o passivo, o agressivo e o manipulador. Penso que as pessoas que agem sob qualquer um destes, lá bem no fundo, devem sentir alguma frustração que os leva a adoptá-lo.


Sinto-me tão bem!



O saber falar é o dom de muitos.
O saber calar é o dom de poucos.
O saber escutar é a generosidade de muito poucos.

23 comentários:

Maria Luar disse...

Um post assertivo. um comentário que não foge ao tema:

A lua quis inundar
a terra de prata feita
E encontrou no teu olhar
Laivos de amizade liquefeita

Os búzios sonantes de mar
Aos teus ouvidos cantavam
És feliz, fazes sonhar
E os teus beijos soavam

*
abracinho
*

David disse...

Voltei...

Comentários em força já de seguida

elsa nyny disse...

Linda!
Gostei! Pois assertividade PRECISA-SEEEEEE!!

bJTSSS

LadyBird disse...

Lindo....

Fa menor disse...

Maria Luar,
obrigada pelos teus versos. São lindos!
Bjinhos


David,
bem regressado!
Hei-de passar por lá!
Bjinhos


Elsinha,
e que falta que ela faz!...
Muitos se fazem grandes...
Muitos se abaixam com medo...
No meio está a virtude!
Bjinhos


Ladybird,
Obrigada!
Bjinhos

marta disse...

Terminas com 3 grandes verdades!
Gostei muito!

Beijinhos!

marta disse...

É fantástico sentirmo-nos bem não é?

Celina disse...

Oi! Encontrei por acaso e gostei! Não sei como consegues por as músicas no blog. Ainda sou nova nisto. Para já, vou por as ligações para aqui e peço sugestões para músicas a usar na catequese. Já vi por aqui muitas. Obrigada pela partilha.

Pierrot disse...

Sentir bem
Duas palavras apenas, um mundo de dificuldades, um manto de invejas...
Sentir bem pode trazer tudo isto.
Mas que sabe bem sentir bem, disso não hajam duvidas.
Bonita reflexão.
Bjos daqui
Eugenio the Pierrot

Fa menor disse...

Marta,
Então não?! ainda bem que concordas comigo!
Jinhos


Celina,
Obrigada por teres comentado.
Se eu puder ajudar em alguma coisa, estou ao dispor, é só mandares um mail ou deixares aqui um link para ti, que terei muito gosto em te visitar para te ajudar no que eu souber.
Jinhos


Eugénio,
bem aparecido!
Já pensava que tinhas desistido da blogosfera!
O sentirmo-nos bem, de facto pode despertar sentimentos antagónicos em pessoas que andem de mal com o mundo... mas quem terá que mudar é quem não está bem...
Jinhos
e não andes desaparecido muito tempo!

quin[tarantino] disse...

Eu não sei, mas há por aqui alguém que canta tão bem...

Celina disse...

Desculpa não ter deixado meu endereço. Só tenho blog à 2 meses, ainda não percebo muito disto!
Se quiseres me visitar estou em http://celina.r.machado.spaces.live.com Se gostares, comenta que ainda me sinto muito insegura! E, já agora, obrigada por responderes ao meu comentário. Não o costumam fazer! Um abraço, Celina

Fa menor disse...

Quint,
eu cá, agora não estou a ouvir nada...
:D


Celina,
já lá dou um pulito...
e depois volto, quando tiver um tempito mais desafogado para te ver com atenção, está prometido!

LuzdeLua disse...

Lindo post. Passando para conhecer e aqui encontrei coisas maravilhosas. Voltarei...
Deixo-te um abraço com carinho
Bjs

joaquim disse...

Olá Fa, bom dia.

Quanto ao texto...clap, clap, clap, clap
Vou guardá-lo porque me serve de lição!

A música, bem a música...valeu a pena o esforço!

Não me digas que és catequista destas vozes!?

Abraço amigo em Cristo

Fa menor disse...

Bom dia, amigo Joaquim!

Quanto ao texto... bem deveria servir de lição a muito boa gente (a mim também, claro)!

A música, bem a música... eheheh
(schiu! ainda não estou autorizada, mas sou tão impaciente!)
Só posso dizer que me enchem de orgulho!

Abraço amigo em Cristo



LuzdeLua,

volte sempre, querida, será um prazer sabê-la por cá! Obrigada pela visita. Hei-de retribuir!

Bjinhos

Cátia disse...

Ola amiga,

Pois é, e esses tres estilos de comportamento nao sao os mais encontrados? Ha mesmo que tentar ser melhor cada dia que passa e ir aumentando a nossa assertividade.......

Que bom é sentirmo-nos bem... mesmo!

Beijinhos grande

Fa menor disse...

Minha querida,
se calhar até é como dizes... destes três é do que mais se topa por aí... e o pior é que muitas vezes não se conseguem enxergar, coitados...
E viva a nossa assertividade que devemos ir sempre aperfeiçoando!

Espero que esteja a correr tudo pelo melhor contigo. gosto muito de ti.

Beijinhos grandes

gaivota disse...

saber falar, saber calar, tudo isso
e saber escutar
é para tão poucos, é verdade!
gostei muito
um beijo

Fa menor disse...

Gaivota,
é... é mesmo para poucos...
a esses poucos podemos considerar Amigos, os que estão sempre por perto de nós, presentes na nossa vida.
Obrigada por estares por perto.
Bjinho

malu disse...

Grande Fá,

Grande texto, grande verdade, grandes vozes,grande disposição que me faz sentir bem também. Obrigada por tudo isso :)

Bjs grandes, claro!

Miss Vader disse...

Olá, Fá. Espero que estejas bem mas deves estar pois escrevestes em letra grande que te sentes bem. Fico contente. Olha, eu lá voltei à escola.

Fa menor disse...

Olá, Miss Vader!
É tão bom estar bem... mas o regresso à escola é outra história!
Bjinhos