sexta-feira, 13 de junho de 2008

Ser sal

"Vós sois o sal da terra!
Ora, se o sal perder o seu sabor, como se há-de salgar?
Já não presta para nada, senão para se deitar fora e ser pisado por quem passa.
Vós sois a luz do mundo: uma cidade situada no alto de um monte não se pode esconder. Nem se acende uma candeia para se colocar debaixo dum alqueire, mas sim, num lugar alto em que alumie bem a todos os que estiverem em casa.
Do mesmo modo, façam brilhar a vossa luz diante de todos, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem vosso Pai, que está nos Céus."
(Mt. 5, 13-16)

É preciso ser sal da terra e luz do mundo...

Sei que tenho que fazer a diferença.
Agora, mais do que nunca, eu não posso parar!



Um ciclo se completou...
Uma nova etapa começa.


Um sonho se concretizou.
Glória ao Senhor!

16 comentários:

Paulo Sempre disse...

«Sei que tenho que fazer a diferença.
Agora, mais do que nunca, eu não posso parar!»

Esta frase também deve ser aplicada noutros contextos.

Paulo

Mari disse...

Oi fá!!!
Você é a manuela que me escreveu?
Fiquei na dúvida devido o nome.
Beijos e bom final de semana.

Fa menor disse...

Paulo,
esta frase pode ser aplicada em vários contextos, claro!
Temos sempre que fazer a diferença... e não ser "maria vai com as outras".
Eu preciso de fazer a diferença no sentido de ir trabalhando para que o mundo se possa tornar melhor!
Bjs


Mari,
não sei o caminho que a trouxe aqui. Mas lhe afianço que não sou essa manuela. Aliás, eu nem conheço a Mari...
Mas pode voltar sempre, pois será bem vinda.
Bjs

Tiago R Cardoso disse...

Muito bem...

de férias,
Tiago.

Sandra Dantas disse...

Querida Fá,
muito bem, continua a fazer a diferença!!!

Eu estou contigo, fazendo também a diferença!

Um grande abraço!!!

liliana disse...

oi, parece k chegou ao fim d mais uma caminhada, parabens. agora é arregaçar as mangas e mãos à obra.

bjinho gd

Fa menor disse...

Tiago,
sortudo!...


Sandra,
temos que fazer a difereça, sim! Sem medo!
Abraço muito amigo!


Liliana,
É bem verdade ;)
Agora para a frente é que é o caminho!
Bijinho grande!

Multiolhares disse...

Os ciclos fecham-se, mas logo se iniciam
E temos de estar preparados para nova caminhada
bj

Cátia disse...

Minha querida e doce amiga, não podia deixar de te vir aqui dar um beijinho mt grande e um abraço bem a pertado para te felicitar pelo final desta fase tao importante. Agora sim, ha mesmo que colocar (mais) as maos-à-obra. Deus deu-te esta oportunidade, deu-te as ferramentas, agora vai... e faz... será um optimo trabalho sem duvida!

Beijo desta que te adora

Fa menor disse...

Multiolhares,
Não se pode parar...
quem não avança, recua!
Bjs



Cátia,
pois...
já são mais umas ferramentazitas...
mais-valias para a minha construção!
Obrigada, minha doce amiga sempre presente.
Beijo muito grande

Ailime disse...

Esta frase, "vós sois o sal da terra", penso que do saudoso Papa João Paulo II, mexeu muito com um membro muito chegado da minha família, que quis experimentar em determinada altura da sua vida "que caminho Deus tinha escolhido para ele".
Deus quis que ele seguisse por outros caminhos, sem claro, O deixar!
Foi uma experiência maravilhosa para toda a família!
Hoje, continua feliz, embora tente ser “sal da terra” de outras formas!
Desculpe, entrar assim no seu Blog, mas este texto seduz-me!
Bem-haja!
Que muitos jovens adiram ao projecto de Deus!
Com todo o meu carinho.

Fa menor disse...

Ailime,
encontras esta frase na Biblia no Evangelho de Mateus capítulo 5, versículo 13.
Ela pode fazer-nos pensar e agir de muitos modos.
Nós como cristãos temos a obrigação de dar sabor ao mundo, que é uma das coisas que o sal faz quando se temperam os alimentos.
Mas mais, o sal, ao salgar por exemplo carne ou peixe, evita que estes se deteriorem ou apodreçam. Também nós temos, através das nossas boas acções, de evitar que a corrupção alastre pelo mundo, e fazer o que estiver ao nosso alcance para tornar o mundo melhor.

Volte mais vezes que será bem vinda.
Beijinho

Ailime disse...

Muito obrigada pelo seu acolhimento!
Agradeço o seu esclarecimento sobre a origem da frase!
Claro que, só Jesus, poderia ser o seu Autor! Compete a cada um de nós não deixar "derreter o sal" e que a "luz" nunca se apague para que glorifiquemos o Pai!
Isto é simplesmente magnífico!
Agradeço o seu convite e será sempre com muito interesse que irei lendo os seus escritos.
Um grande beijinho.

Fa menor disse...

Ailime,
que «a "luz" nunca se apague para que glorifiquemos o Pai!»
Beijinho

Flor disse...

Fázinha, não resisti e levei esta imagem comigo! :)
Uma das promessas do Senhor a que eu recorro muitas vezes... Salmo 37:5... obrigado Amiga pela partilha...

Glória ao Senhor! Só Jesus é digno de receber toda a Honra, toda a Glória e toda a Magestada, no céu e na Terra, pois foi Ele que deu a Sua vida por nós....

Beijo doce e terno bem no centro do teu lindo coração, Amiga. :D


Flor

Fa menor disse...

Flor,
Guarda a imagem, sim, querida amiga!
A foto e as palavras formam um conjunto magnífico.
Se deixarmos que o Senhor guie o nosso caminho teremos a certeza de que os nossos passos nunca serão em vão!

Beijo amigo