segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Vaidade...

Vaidade, tudo é vaidade...

Durmo... e acordo, e a certeza é a mesma: tudo é vaidade!
Não é sonho, nem pesadelo, é uma realidade que se impõe.

Foi um domingo bem passado, na companhia de amigos, ao ar livre, com odor a mar, a verde, a sombra fresca. A boa música ambiente deu ainda um ar mais apetecido, uma vontade maior de permanecer... de usufruir do descanso merecido.

Sobre a felicidade neste mundo,
"Compreendi bem, que o bom para o homem está em comer, beber, gozar o bem-estar em todo o trabalho que suporta debaixo do sol durante todos os dias da vida que Deus lhe dá. Esta é a sua sorte. Se Deus dá ao homem bens e riquezas, e a possibilidade de comer delas, disfrutar a sua parte e viver alegre no seu trabalho, isto é um dom de Deus. Não pensará nos dias da sua vida, porque Deus guarda o seu coração ocupado na alegria." (Ecle. 5, 17 - 19)

"Melhor é o que vêem os olhos do que a agitação dos desejos. Mas também isto é ainda vaidade e vento que passa." (Ecle. 6, 9)

Vaidade... vaidade... vaidade das vaidades. Tudo é vaidade!

"Mais vale ir à casa em luto do que à casa em banquete.
Porque aí se vê o fim de todo o homem e os vivos nele reflectem."
(Ecle. 7, 2)

12 comentários:

Daniel Aladiah disse...

Entendo que nem tudo é vaidade, mas que esta nos leva na sua barca muitas vezes, é verdade...
Um beijo
Daniel

Je Vois la Vie en Vert disse...

Há muita vaidade, sim ! E esta vaidade passa por cima de tudo e de todos.
Perguntam porque há crianças a morrer de fome, porque Deus deixa isto acontecer. Naqueles países onde reina a fome, alguns, por vaidade, comem em pratos de ouro.

Beijinhos

Verdinha

Canela disse...

Interpelante!

Mexe com todas as nossas estruturas. É de ficar a meditar, então e eu?

È bom incomodar, abanar e chocalhar...

Beijinho

teresa disse...

é triste ,,, mas é verdade ,,,

quantas pessoas passam dificuldades para manter certas vaidades ,,,,,,,

dá-nos muito que pensar ,,,,,

xistosa - (josé torres) disse...

Se não fosse um pouco de vaidade (presunção), o que seria do ser vivo?
Nem toda a vaidade é inútil.
Talvez inútil seja o prisma pelo qual olhamos ao nosso redor.
Mas o que podemos fazer?
Não será só fechar os olhos, mas a verdade é que não temos capacidade de cuidar de todo o vaidoso e do que não é vaidoso.
A meta é utópica, por muito que pensemos o contrário.

Este ano não vou até ao "meu" mar Mediterrâneo.
Não posso.
Remendei o coração, mas este ao puxar pela máquina, abriu outras brexas que nada têm a ver com cardiologia, (isto foi o que me disseram os "experts" de medicina, depois de penar quase um dia inteiro na urgência do Hospital, de cada vez que lá fui.)
3 semanas sem dormir ... são uma enorme falta de sonhos e se bem que eu não os siga, gosto de sonhar.

Vou tentar andar por aí.
Obrigada e um abração.

Nilson Barcelli disse...

Este teu post é quase uma provocação...

A vaidade, em excesso, é um defeito.
Em doses moderadas, é uma virtude. Há quem lhe chame brio, "chieira" (não sei se a palavra existe...), orgulho e outras qualificações, mas sem alguma vaidade, sem algum amor-próprio, ficamos sem vitalidade.

Sobre a última frase, digo eu:
Fraco é o homem que só reflecte no seu fim quando visita a casa em luto.


Querida amiga, bom resto de semana.
Beijo.

Ailime disse...

Amiga Fá!
Sim, a vaidade impera por aí e vai gerando muitos problemas!
No mundo de hoje o parecer é mais importante que o ser!
E depois é o que se vê!
Deixo-lhe um beijinho e votos de que tenha um resto de boa semana.

Pena disse...

Estimada Amiga:
Sim! Creio que Deus é Bom. MARAVILHOSO. Perfeito e auxilia-nos com o seu sentir de ajuda. Compreensão. Tolerância. Solidariedade maravilhosa.
Belas palavras a que deu vida.
Excelente!
Beijinhos agradecidos pelo seu génio admirável na palavra Dele. Respeitáveis como as suas, doce amiga.
Com amizade

pena

Lindo, Amiga Enorme!

gaivota disse...

às vezes.........
se calhar temos que saber enfrentar um pouco de tudo!
beijinhos

Chinha disse...

Realmente há muita vaidade...Um exagero até.
Mas também felizmente há pessoas desprovidas dela que caminham na vida em pegadas sãs.

Bom o teu texto

bjitos e bom fim de semana

.POTT disse...

Olá Fá!

Por falar em vaidade,sinto-me vaidoso
por ser visitado por si.
Não a conheço mas o meu imaginário já
me contou,de forma discreta,claro, como vc é...

Um beijo grande,

POTT

Fa menor disse...

Daniel,

Verdinha,

Canela,

Teresa,

José Torres,

Nilson,

Ailime,

Pena,

Gaivota,

Chinha,

Pott,

os vossos comentários mereceram a minha melhor atenção, embora não me dirija a cada um de vós individualmente.

De vez em quando faz bem reflectir e há sempre ocasiões/circunstancias, umas de uma maneira e outras de outra, que nos fazem 'olhar para dentro'...

Desejo-vos a todos boas reflexões.

Beijos