20071105

O amor acima de tudo

“Agora subsistem estas três coisas: a fé, a esperança e o amor; mas a maior delas é o amor”. (1 Cor 13,13)

O amor. Sempre o amor!
Tema complexo, este!

E considero-o complexo porque este pode ser de três tipos (ou dimensões): o Eros, o Philia, e o Agape (do Grego).

Eros: o amor entre homem e mulher.

Philia: o amor de amizade.

Agape: o amor de Deus pelos homens.

Vou ater-me, por agora, ao terceiro tipo de amor: o Agape.
Este é o que somos chamados a nutrir por todos os que nos rodeiam (o nosso próximo).
O Agape pode englobar os outros tipos de amor ou não, e subdividir-se, ainda, em vários outros especiais, como o filial, o fraternal, o paternal, o maternal…

No geral, o termo “amor” aparece-nos hoje muito banalizado e até “coisificado”.
Ele é identificado mais com o conceito de Eros e confundido com “paixão”.

Como diz a canção dos “Cantabaía”:

“Ai, é o amor,
Ai, ai, ai é o amor,
É o amor!”

É lindo, só que não pode reduzir-se a isso!

Amar, mais do que dar, é dar-se!

Seja qual for o tipo de amor, se for verdadeiro, vale mesmo a pena vivê-lo!

Este enriquece mais quem o dá, do que quem o recebe!

Eu amo!
Sou feliz por isso!

11 comentários:

marta disse...

Eu amo!!!
Nas diversas dimens�es, sem amar, sem o amor... ficaria sem nada! Tenho muito porque tenho amor, e muitos que aparentam ter mais do que eu, s�o imensamente pobrezinhos...

Desculpa a aus�ncia... vou ver se volto!

Beijo grande, que ames sempre!

antonio disse...

Que ames e te deixes amar... assim recebes e dás felicidade.

Sandra Dantas disse...

Linda,
continua a amar assim!!!
Eu também amo e sou feliz por isso!

Um grandioso abraço!

Fontez disse...

amor sem vida é q é?
vida sem amor o q é?
eu nao conheço o amor...!
sinto Às vezes...
mas nunca o abracei profundamente...!
espero um dia...

post emocionante...
gostei imenso de o ler e de o sentir.
ah e a musica q ta no blog...é bonita.


bjss Fa

C Valente disse...

Se não existir amor, não vale apena existir vida, pois tudo seria muito triste
saudações amigas

Tiago R Cardoso disse...

eu amo e sou feliz.

quintarantino disse...

Eu também amo, sou amado e sou feliz.

joaquim disse...

Infelizmente o termo amor está tão banalizado e é utilizado para tanta coisa que não é amor, que é muito bom vires lembrar o que é o Amor.
Repara que não disse o verdadeiro amor, porque isso não existe...
Existe "apenas" o Amor, o resto não o é com certeza...
E nós todos temos também de reflectir na nossa linguagem e da forma como utilizamos as palavras...
"Eu amei aquele filme, aquele livro..."
"Eu adoro aquela canção..."
E por aí fora...
Depois os termos passam a ser apenas isso, nada mais representam...
Perdoa o "ar professoral" mas estava a reflectir comigo próprio...

Abraço amigo em Cristo

multiolhares disse...

O amor é o sentimento mais sublime que existe
E este jamais morre pois vive no universo, ele é lei, e esta em deus
É engraçado que já fiz um poste parecido com este para aí
Á 1 ano, o tema de amor é algo que nos fascina

Beijos
luna

C Valente disse...

No inglês a palavra amor ainda tem é mais significado que no português, por exemplo gostar tambem se diz amor ( sem romantismo
Hoje já fiquei a saber ERos, Philia, Agrape
saudações amigas

Miss Vader disse...

Olá... aprendi novas palavras...